Pesquisar este portal

abril 13, 2022

Taurus Helmets será beneficiada com o recorde de 10 anos para março na produção de motos


*LRCA Defense Consulting - 13/04/2022

O portal InfoMoney publicou ontem matéria com o título "Produção de motos é a melhor para março em 10 anos, e vendas superam a de carros de passeio". Segundo portal, as principais causas são a expansão do delivery e a busca por meios de transporte individual mais acessíveis — tanto em preço quanto em combustível.

"As vendas de motos superaram as de carros de passeio em março (110 mil unidades no varejo contra 108,3 mil), segundo a Abraciclo (a associação dos fabricantes de motos), e a produção dos veículos de duas rodas tiveram a maior produção para março em dez anos.

A expansão dos serviços de entrega (delivery) e a busca por meios de transporte individual financeiramente mais acessíveis — tanto em preço quanto em gastos com combustível — são as principais causas do crescimento das vendas.

Além disso, sem sofrer com a falta de peças na mesma intensidade das montadoras de carros, a indústria de motos fabricou 136,4 mil unidades em março, um crescimento de 8,4% frente a 2021 e só atrás do mesmo mês de 2012, quando foram montadas 179,5 mil no terceiro mês daquele ano.

Os números divulgados nesta terça-feira (12) pela Abraciclo confirmam que a oferta dos veículos de duas rodas segue em recuperação após as restrições de produção no início do ano passado, devido à segunda onda da pandemia. Contra fevereiro, a produção subiu 27,4%."

Taurus Helmets
A Taurus Helmets, pioneira e líder na fabricação de capacetes para motociclistas no Brasil, deverá também sentir os reflexos positivos em seu faturamento neste ano.

Recentemente, a empresa expandiu sua linha de produtos com a marca Urban Helmets e novos modelos de capacetes, além de camisas, camisetas, bermudas e acessórios para os apaixonados por motos e cultura custom.

Segundo a marca, os produtos refletem a paixão que ela possui pelo mundo das duas rodas e pela customização, mantendo design único, alta qualidade e segurança. A coleção está disponível para compra exclusivamente no site da empresa.

Dentre os novos produtos, os apaixonados por motos podem conferir capacetes com a tecnologia e durabilidade que a Taurus oferece, aliado a design autêntico. Além de uma extensa gama de vestuários e acessórios para personalizar as peças.

Ainda de acordo com a empresa, toda a coleção foi desenvolvida pensando nas tendências da moda, com múltiplos grafismos que remetem ao street style (estilo urbano). Os itens da marca tem fabricação artesanal, focada nos detalhes para se diferenciar de tudo que está no mercado.

“A Taurus Helmets já é líder no segmento de capacetes para motociclistas no Brasil, mas preocupada em sempre inovar e oferecer os melhores produtos para os clientes, lançou vestuários e acessórios que visam dar condições para que os pilotos expressem sua personalidade durante o percurso em duas rodas. Afinal, pilotar é um estilo de vida que deve ser demonstrado em todos os detalhes”, aponta Carlos Laurentis, CEO da Taurus Helmets.

Na 11º edição do Salão Nacional e Internacional de Motopeças, realizada no início de março, a marca exibiu, pela primeira vez em São Paulo, os capacetes Joy23, Joy23 by Taurus, Joy23 RS e também os novos modelos do BigBore S e Café Racer, além de outros itens do portfólio.

Números robustos e possibidade de venda
A operação de capacetes é historicamente rentável e lucrativa. No ano de 2021, a Taurus Helmets teve uma participação de 4,2% na receita líquida consolidada da Taurus Armas, correspondendo a mais de R$ 115 milhões.

A Taurus permanece avaliando propostas para a venda de sua operação de capacetes, já que ela não faz mais parte do seu core business. No entanto, como não está mais pressionada a realizar ativos para suprir demandas de seu caixa e como a operação permanece em atividade e lucrativa, só considerá aquelas que trouxerem o retorno do valor que realmente o negócio possui.


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será submetido ao Administrador. Não serão publicados comentários ofensivos ou que visem desabonar a imagem das empresas (críticas destrutivas).

Postagem em destaque