Pesquisar este portal

quinta-feira, dezembro 02, 2021

NICS de novembro já torna 2021 o segundo maior ano de vendas de armas na história dos EUA

Total anual estimado poderá ser apenas 2,4% menor que o ano atípico de 2020

LRCA: Taurus Armas: como a vitória democrata nos EUA e sua pauta podem  beneficiar a empresa


*LRCA Defense Consulting - 02/12/2021

A verificação de antecedentes ajustada da NICS em novembro de 1,543 milhão, que inclui as fortes vendas da semana da Black Friday, já fez de 2021 o segundo maior ano de vendas de armas já registrado na história do Estados Unidos.

Mark Oliva, Diretor de Relações Públicas da National Shooting Sports Foundation (NSSF), declarou ao portal The Truth About Guns:

 - O relatório de números de novembro coloca 2021 como o segundo ano mais forte para vendas de armas de fogo já registrado, atrás apenas do ano atípico de 2021 de 21 milhões de verificações de antecedentes para uma venda de armas. O total de NICS ajustados pelo NSSF de novembro de 2021 de 1.543.378 traz o total acumulado no ano para 16.722.291 verificações de antecedentes para a venda de uma arma de fogo. Esse número notável foi reforçado pelo relatório do FBI de mais de 678.000 verificações de antecedentes não ajustadas realizadas durante a semana que antecedeu e incluindo a Black Friday.

- Este marco histórico de mais de 16,7 milhões de verificações de antecedentes para uma venda de armas mostra que ainda há um grande apetite pela posse legal de armas de fogo e os Estados Unidos, valorizando o direito dado por Deus de manter e portar armas. Mês após mês, e agora ano após ano, os americanos estão votando com suas carteiras quando se trata de direitos de armas em número recorde.

Total anual estimado poderá ser apenas 2,4% menor que 2020
O NICS - National Instant Criminal Background System Checks de novembro totalizou 2.717.458 verificações, constituindo-se no segundo melhor mês de novembro da história, atrás apenas do atípico ano de 2020, onde questões relativas à pandemia, aos distúrbios civis e às eleições, agiram de forma quase conjunta para levar os americanos à compra de armas em quantidades excepcionais.

Mesmo assim, novembro de 2021 mostra claramente que a demanda continua muito aquecida nos EUA, haja vista que o NICS desse mês superou em 5,5% o mesmo período do ano normal de 2019.

O total de NICS dos primeiros 11 meses do ano chegou a 35.778.134, situando-se também como o segundo melhor da história para o período ao superar o mesmo intervalo de 2019 em 40,6%. Nota-se ainda que esses primeiros 11 meses superam também o total anual de 2019 em mais de 26%.

Como é possível constatar na tabela abaixo, o mês de dezembro se caracteriza por ser o mais forte na venda de armas nos Estados Unidos. Portanto, é possível estimar que o NICS de Dez 21 cresça cerca de 9,5%, situando-se em 2.975.000, o que levaria o total do ano para 38.753.115, ou seja, apenas cerca de 2,4% menor que o ano atípico de 2020.





Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será submetido ao Administrador. Não serão publicados comentários ofensivos ou que visem desabonar a imagem das empresas (críticas destrutivas).

Postagem em destaque